Conheça a importância da etiqueta de composição

As roupas possuem diferenciais: tipo de tecido, cor, tamanho, marcas, são algumas das diferenças entre os modelos. Porém, todas as roupas possuem uma uniformidade: a etiqueta de composição. A marca é um registro da empresa e é de alta relevância.


O registro é uma exigência do Instituto Nacional da Propriedade Industrial. Segundo o INPI, o produto deve acompanhar o material durante toda a vida útil do material, ou seja, deve ser aplicado e resistir às lavagens.

O instituto também recomenda que a etiqueta tenha:


- Razão social, nome da empresa responsável pelo produto e/ou marca registrada no órgão competente do país;

- Respectiva identificação fiscal (CPF ou CNPJ);

- País de origem de fabricação;

- Composição, com o nome da fibra + percentual em massa;

- Cuidados para conservação do produto (símbolos e/ou textos) segundo a Norma NM ISO 3758: 2013 Têxteis da ABNT;

- Tamanho ou dimensão do produto, conforme o caso.


As recomendações fazem parte da construção de identidade da peça. Assim, o consumidor final poderá saber quais os processos de lavagem, qual o tipo de tecido está sendo usado, entre outras informações.


7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo