Esportes de praia invadem a cidade e vira atração


Durante a pandemia do Covid-19, a população do planeta se viu impedida de seguir com hábitos normais que possuíam. Sair de casa, ir a diferentes lugares, praticar esportes, entre outros, passaram a ser hábitos apenas da lembrança, pois, a necessidade do isolamento social e a utilização de máscaras - para conter a disseminação do vírus, foram praticadas.


Dentro deste universo, o sedentarismo passou a ser frequente devido a estadia nas casas. Porém, a pandemia criou o sentimento e necessidade da prática de esportes nas pessoas.


E assim como diz o ditado, no meio da dificuldade encontra-se a oportunidade. Foi assim que esportes com poucos competidores passaram a ganhar mais espaço - evitando, então, a superlotação de quadras e espaços destinados à prática da atividade.


Com essa nova realidade, os esportes ao ar livre ganharam espaço e uma tendência vem sendo praticada em grandes centros urbanos: os beach sports (esportes de praia).


Os esportes de praia, que antes do período pandêmico eram disputados nas praias do Brasil, vêm sendo replicados em quadras nas grandes cidades e as diferentes modalidades podem ser praticadas por qualquer pessoa, uma vez que, apesar das dificuldades, são esportes inclusivos e possuem regras simples. Dependem apenas do treinamento e foco de cada um.


Além de ser uma ótima opção para quem tem a necessidade e o desejo de praticar esportes, a nova onda esportiva também é uma alternativa para quem busca qualidade de vida e interação.


Confira três esportes de praia que ganham cada dia mais espaço no cotidiano das grandes metrópoles


Beach tennis


Uma das principais atividades praticadas ao longo dos últimos meses é o beach tennis. O esporte é uma adaptação ao tênis disputado em quadras (seja de cimento, grama ou saibro). O objetivo é fazer a bola cair no campo do adversário.


Em 2021, o presidente da FCT (Federação Catarinense de Tênis), Alexandre Reis, comentou que o esporte já havia sido praticado por 500 mil pessoas no país e sua taxa de crescimento em 2020 estava em cerca de 2.000%.


Futebol de areia


Outra modalidade que as pessoas praticavam na praia era o futebol de areia. O esporte é uma modalidade que deriva do futebol disputado nos campos e na várzea do país e vem ganhando espaço por conta da conexão com o famoso jogo “moleque” brasileiro. Além de que as famosas “altinhas” tem se popularizado cada vez mais no país e as quadras de areia são uma opção para quando o mar está longe.


A atividade física exige uma boa condição física já que a movimentação de ataque e defesa é constante. O objetivo do esporte que deixou a beira mar e invadiu as cidades é simples: marcar mais gols do que o adversário.


Vôlei de praia


Desenvolvido nas areias da Califórnia, em 1895, o vôlei de praia vem ganhando espaço por conta da movimentação e da possibilidade da disputa em dupla - sem a necessidade de aglomeração.


No Brasil, ovôlei de praia chegou na década de 30 e o objetivo é igual o esporte de quadra, ou seja, derrubar a bola no campo adversário. Praticá-lo é uma ótima opção para o funcionamento e desenvolvimento do corpo e da mente.


0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo