Parceiros Alluri obtém bons resultados e fecham campanha na Copinha




A Copa São Paulo de Futebol Júnior é o maior torneio das categorias de base do Brasil. Atletas nascidos até 2001 disputam essa edição do torneio, que, devido a pandemia da Covid-19, conta com uma liberação da Federação Paulista de Futebol para jogadores de 21 anos. Os atletas que completaram 20 anos em 2021 não puderam disputar o torneio.


Nesta temporada, a Alluri, marca têxtil de uniformes, esteve presente junto de três equipes que tiveram grande desempenho na competição: Inter de Limeira, Resende e Osasco Audax. Para cada equipe, nossa marca desenvolveu um material de muita qualidade, que trouxe conforto e beleza aos jogadores.


Confira abaixo o desempenho de cada parceiro Alluri na maior competição de categoria de base do Brasil:


Inter de Limeira



Créditos: Italo Gabriel - Inter de Limeira

A nova parceira da Alluri esteve na chave 30 da Copinha. A Inter de Limeira teve a companhia do Ibrachina, Náutico e Serranense nos três jogos da competição. As partidas foram disputadas no bairro da Mooca, no clube Ibrachina.


No primeiro duelo, a equipe enfrentou o Ibrachina. O clube de Limeira fez uma boa partida, porém, acabou superado por 3x1.


Na partida seguinte, a Inter encarou o Náutico. O duelo foi equilibrado do começo ao fim, porém, no fim, a equipe pernambucana garantiu a vitória por 2x1.


A última partida da equipe foi contra o Serranense e a Inter venceu. A equipe fez uma partida segura e com muitas oportunidades de gol - no fim, o 4x1 deixou a equipe com a terceira colocação do grupo, com seis gols marcados.


Osasco Audax

Jorge Luis / Osasco Audax

Parceira pelo segundo ano consecutivo da Alluri, o Osasco Audax fez uma grande Copa São Paulo de Futebol Júnior, em 2022.


Depois de parar na primeira fase da última edição, o clube fez uma preparação brilhante e chegou como uma das boas equipes da competição. O time esteve no grupo 23, junto com Joinville, Santo André e Camaçariense, e disputou as partidas em casa, no Estádio Municipal Prefeito José Liberatti, em Osasco-SP.


No primeiro jogo, o Audax venceu o Santo André, por 2x0, gols marcados por Gustavo e Victor.


O segundo duelo também teve vitória da equipe de Osasco. Dessa vez, o duelo foi contra o Camaçariense, e terminou com vitória da equipe por 2x1 (gols marcados por Edherson e Gustavo - Peu descontou para o rival).


Na última partida, com a classificação garantida, o Audax preservou alguns jogadores e acabou superado pelo Joinville por 1x0.


Líder do grupo, a equipe garantiu a vantagem de seguir disputando as partidas em casa. O primeiro adversário da fase eliminatória foi o SKA Brasil. Após empate sem gols no tempo normal, a partida foi decidida nos pênaltis e o Audax avançou vencendo por 5x3.


Na última partida da equipe na competição, o Audax fez um jogo equilibrado contra o Vasco da Gama. O empate no tempo normal teve Carlos anotando para a equipe de Osasco e Vinicius para o clube carioca. Nos pênaltis, o clube da cruzmaltina venceu por 4x3.


Resende

Divulgação - Resende

Outro novo parceiro da Alluri, o Resende (ou Resendudo, como ficou conhecido na campanha) fez história na segunda Copinha que disputou.


A equipe carioca esteve no grupo 15, junto com Corinthians, River-PI e São José. As disputas da chave foram realizadas em São José dos Campos-SP.


O primeiro duelo mostrou que a equipe não estava a passeio na competição e iria fazer frente ao longo do torneio. O Resende enfrentou o Corinthians e apesar da derrota por 2x1 (gol marcado por Bismarck), mostrou muita organização para pressionar e causar incômodo a equipe que mais venceu a competição.


No segundo jogo, a equipe enfrentou o São José e com um grande jogo, venceu por 3x0 (gols marcados por Léo) e chegou com boas chances na última rodada da fase de grupos.


Na última partida da fase de grupos, o Resende encarou o River-PI e com um empate por 1x1 (gol marcado por Léo) garantiu a presença entre as 64 melhores equipes da competição.


Na segunda fase da competição, o clube carioca enfrentou um outro clube da Série A. O rival da vez foi o Fortaleza e o Resende mostrou muita confiança e qualidade. O empate por 1x1 (gol marcado por João) levou a disputa para os pênaltis. Na marca do cal, o clube venceu por 4x3 e garantiu a vaga para reencontrar o Corinthians.


No duelo da terceira fase, o clube carioca fez um grande jogo e venceu de virada por 2x1 - gols marcados por Brendon e Henrique Halls, aos 49 minutos do segundo tempo.


O último duelo do Resende marcou um encontro das equipes cariocas. O Botafogo foi o rival e após um jogo equilibrado, as equipes foram para a decisão na marca do pênalti e o clube da estrela solitária venceu por 5x4.


Palavra do Presidente


Amante do futebol, o CEO da Alluri, Ricardo Alluri, analisou a participação dos clubes parceiros e destacou a dificuldade da competição.


“A Copinha é uma competição incrível. O torneio já está na cabeça dos brasileiros, é nesta disputa que o futebol brasileiro começa os trabalhos do ano. Nesta temporada, tivemos três clubes que utilizaram o material da Alluri na competição e fizeram grandes campanhas. A Inter de Limeira apesar de ter parado na primeira fase, realizou grandes partidas. O Osasco Audax e o Resende foram longe na competição e orgulharam a torcida e a nós da Alluri”, destacou o presidente.


“Acredito que os atletas tiveram um fardamento muito confortável, que possibilitou o melhor desempenho na competição. Esse é o objetivo da Alluri, fazer com que o atleta esteja com um fardamento de alta qualidade e que ajude na prática do bom futebol”, finalizou o presidente.



25 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo